quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Segurança

Já que a pauta segurança está sendo exaustivamente questionada e discutida durante está semana acho que está mais do que na hora de todos os pilotos e preparadores cuidarem melhor de seus carros e equipes, somente esse ano três carros de uma mesma equipe ficaram sem freio em três corridas este ano.
O primeiro a ficar sem freio acabou com seu carro no miolo de Interlagos e o piloto teve ferimentos leves e o susto fez com que ele até diminuísse a potência do motor de seu novo carro visando mais segurança...
O segundo conforme a versão do próprio piloto ficou sem freio no final da reta oposta, logo nas primeiras voltas, e acabou acertando outro carro da mesma equipe... Os dois pilotos eram considerados novatos, pois estavam participando de suas primeiras corridas na categoria...
O último dos três foi mais recente ficou sem freio logo na estréia dos carros em Interlagos e saiu várias vezes da pista...
Graças a algo maior todos passaram apenas por grandes sustos, corrida de carros é coisa séria, se a grana está curta para fazer todas as etapas com o carro revisado e seguro, melhor pensar em correr apenas algumas com segurança e confiança no equipamento...

17 comentários:

Evaldo Miranda disse...

Boa noite Renato14,

Sou um grande amigo da equipe L.F..
E deixo aqui minha indignaçao em relação aos comentarios e insinuações.

Aproveito para perguntar o que causa tanta magoa de sua parte, e gostaria de saber onde voce quer chegar?

Agradeço se voce respeitar meu direito de replica e postar esta mensagem, sendo que em nenhum momento estou faltando com o respeito.

Obrigado
Evaldo

Flavio Gomes disse...

Renato, com todo respeito, qual é a sua? Você não faz parte mais dessa equipe e não acho correto ficar com esse tipo de picuinha. Deixe que nós mesmos nos entendemos com nosso time. Nossos eventuais problemas são nossos, não seus. Que bobagem, parceiro!

Anônimo disse...

olá companheiro as coisas veem sendo feita de maneira errada fz tempo é só reelembrar o epsódio da mudança ou mexilança na suspensão do carro do flávio quando tentaram mexer na cambagem trazeira esquentando o eixo e outros bichos sençacional saiu eixo com roda e tudo se tivesse alguel do lado na curva morte na certa até o proprio só não se deu mal pois o santo antonio não foi feito pelo mesmo mecanico que fez a cambagem um abraço luis henrique criador da categoria de antigos em 2002 primeiro campeonato de antigos nacionais homologagados oficialmente www.kliem.com.br

Renato Giordano disse...

Boa tarde... Em momento algum da postagem sobre "Segurança" faltei com respeito a nenhum piloto e muito menos citei o nome de qualquer equipe, respeito todos que comigo se divertem em nossos finais de semana na pista, por isso não há motivo nenhum para qualquer um aqui ficar indignado e nem tão pouco irritado com o que foi postado sobre "Segurança na pista", só achei interessante o fato dos carros serem da mesma equipe, talvez seja coincidência mesmo, só que mesmo assim qualquer carro de qualquer equipe mal revisado ou com os freios mal dimensionados na pista oferece o mesmo risco que um piloto novato e inexperiente pode causar a todos na pista.
Portanto senhores passem a olhar seus carros mais de perto ou até mesmo procurem outra opinião de igual ou maior conhecimento no mundo automobilístico, pois é a vida de todos que está em risco...
Um abraço a todos...

Anônimo disse...

Anonimo?
Que epsódio é esse?
Esquentaram o eixo?
Vc tá de brincadeira né?
Coitado do Flavio!

Rogério Tranjan disse...

Grande Renato,

primeiro duvido muito que você publique esse post, mas ......

Troquei uma idéia com você em Interlagos e continuo não entendo qual é a sua. Por que tanto ódio do pessoal da LF, do Nenê e do Sr. Luis?
Se você tem algum problema com eles, ligue, converse e resolva.
Você se lembra que eles te ajudaram muito em Londrina no ano passado? Se lembra que o seu carro já esteve lá e que lá foi pintado.
Acho que esse seu blá-blá-bla já está enchendo um pouco o saco. Tá pessoal demais. Pelo menos seja homem e dê nome aos bois.
Voltando ao freio, acho que para melhorar o do meu carro, seja ele o Passat ou o Karmanga, vou usar burrinho de freio importado como o do seu Corcel, absolutamente fora do regulamento.
E lembre-se: quem tem telhado de vidr que não atire a primeira pedra.
Aliás corre a boca pequena que o seu motor também não é 1.4, dizem que é um F-Ford um "poquito" maior.

Abs.

Rogério Tranjan
PAssat #44

Anônimo disse...

É Renato, se manobra do Passat 50 tivesse sido feita na frente de qualquer carro que não fosse da tal equipe será que acontecia todo esse carnaval que aconteceu ???

André Ferreira disse...

Pessoal acalme os ânimos!!!!!! Se cada um cuida da sua equipe deixe que o rapaz cuide da dele. Se alguns ficaram ofendidos pelos comentários sobre erros de certa equipe com certeza ele também ficou ofendido por falarem mal dele, ele é novo e duvido que tenha feito aquilo de propósito com certeza foi uma fatalidade que acontece com todos independente se é novato ou não. Todos um dia foram novatos nesta pista e também sem nenhuma experiência não se esqueçam disso e se não cometeram nenhum erro parabéns, mas poderiam o ter cometido, alias todos cometemos erros inclusive os mais experientes. E duvido que as pessoas da época tenham tido essa atitude ridícula e criado tanta polêmica. E o ditado que está na postagem de uma pessoa vou coloca aqui para todos refletirem “Quem não tem teto de vidro que atirem a primeira pedra”. Vocês estão parecendo mulheres fofoqueiras. “Ema, ema, ema cada um com seus problemas”. E se pessoas mesmo sem cita o nome da equipe ficaram ofendidos é porque ai tem coisa, então pessoal todos tem problemas e defeitos parem com isso sejam mais civilizados e parem de parecer um bando de mulher. E parem com o “SE” por que não aconteceu nada grave, “se” tivesse acontecido ai sim poderiam se rasga e com certeza não só o piloto do Fiat teria se machucado, mas o menino também. Ótima semana para todos, e pensem bem nas atitudes daqui pra frente.

Renato Giordano disse...

Rogério tanto você quanto alguns outros pilotos e amigos da LF é que estão colocando o fato como pessoal, não tenho nada contra a LF, o Nenê e muito menos o Sr. Luis. Em Londrina não fui ajudado não, paguei pelos serviços prestados na pista, pela pintura e outros serviços também, que foram muito bem executados.
A postagem enfoca somente o item segurança, outros assuntos, picuinhas e bla bla bla você sabe muito bem que já ocorrem na "Boca Pequena" como você mesmo disse e esse tipo de comentário nunca me interessou...
O que eu não quero ver é um carro no meu retrovisor todo desgovernado por falta de freio é só isso...

Anônimo disse...

Renato,

Não devemos afirmar de forma alguma que a perda de freios de qualquer carro durante uma competição, seja por motivo de falta de cuidados da equipe.
A simples escolha de uma pastilha ou de um fluido equivocados para aquela condição, pode acarretar numa ineficiência do mesmo.

Abraço,
Della Barba

Renato Giordano disse...

Concordo plenamente com o Della Barba...
Com certeza acho que foi pura coincidência os três carros serem da mesma equipe...

Anônimo disse...

Renato,

Coincidências no meio automobilisto acontecem...
Como foram três fatos distintos e em épocas diferentes, uma delas com o carro totalmente novo,tudo nos leva a crer que não seja falta de cuidados da equipe.

Abraço,
Della Barba

Anônimo disse...

IHHHH, me perdoem...."cada um no seu quadrado", corria em Goiânia (porque não existe mais autódromo)e sempre havia uma versão favorável a um ou a outro!!! Mas eu estou longe e nem quero manifestar algo a não ser dizer que:

1) O corcel é lindo
2) Quanto mais original melhor
3) Divergências acontecem
4) Jornalistas de plantão só puxam p/ o seu lado.

Abraços

Evaldo Miranda disse...

Klien,

O que aconteceu com o carro do Flavio Gomes, niguem deu calor a peça nenhuma ponta de eixo do eixo que quebrou, como no carro do Rodrigo tbm quebrou(que foi voce que criou o carro.

Hoje a ponta de eixo é guardada como um trofeu na sala do Flavio Gomes, pois ele sabe que o citado por voce nao procede.

Em relação ao Santo Antonio, realmente voce esta certo nao foi feito pela L.F., foi feito pelo Dudu um amigo, que inclusive passamos lá estes dias e ele mandou lembranças e pediu para voce passar por lá e acertar um conta pendente a algum tempo. Se quiser o telefone dele caso tenha esquecido é 56666177.

Ahh ele mandou abraços,

Renato Giordano disse...

Boa noite Sr. Klien e Sr. Evaldo Miranda, por favor, resolvam seus problemas em outro lugar...

Rodrigo Ruiz disse...

Não to acreditando em tudo o que ando lendo.... aqui e em outros lugares

A Fasp mudou o nome da Categoria e a Super Classic criou um banco de inimigos?
Tudo bem que eu nunca estive no meio pra saber o que rola por trás da pista, mas o que sempre vi entre 2006 e 2007 foi uma amizade e um companheirismo muito grande, mas em 2008 a coisa simplesmente virou. É uma turminha pra um lado, outra menor do outro e uns independentes perdidos no meio.
Cada um na sua e cada um reclamando de uma coisa. Pra que isso? Juntem forças e briguem pelo mesmo objetivo que garanto que no final é o mesmo pra todos, que é se divertirem e chegar no domingo cada um com sua família e dar boas risadas, curtir o que passou no final de semana. Ir para sua empresa na segunda-feira e seguir sua rotina e não tentar resolver problemas criados justamente onde vocês vão para desestressar...

Fico muito triste com tudo isso...

Anônimo disse...

companheiro renato gostaria de saber se seria possivel publicar minha resposta ao sr evaldo pois acredito ter eu o direito de resposta já que o mesmo falou de coisas particulares de minha vida e o que eu disse naão foi nada ofencivo e tambem não me dirigirei novamente e este sr pelo fato de não conhece lo e nunca ter ouvido falar em seu nome após tantos anos de automobilismo principalmente como esportista e de bastidores mas segue a resposta se caso eu deva alguma coisa por favor pague oque julgar que eu tenha à pagar e não se esqueça de receber o que tenho a receber pois tenho certesa que vai sobrar um bom dinheiro caro companheiro foi apenas isto por favor não me tire este direito de resposta um abraço kiem